Avançar para o conteúdo principal

Portugalidades

Este post nasce por causa de um sabonete liquido.
"Oi cara, coméquié?!" Isso aí. 😏

Poderá parecer que ensandeci de vez, mas ao ver este look e os outros 2 da mesma linha que estavam lá na loja, achei que nos começamos finalmente a reencontrar connosco mesmos. Quase que me vieram lágrimas aos olhos. Not really. Mas era menina para isso. 😋

O look retro clássico português, os azulejos como elemento base do logotipo... vai-nos às raizes. E agora já aprendemos a aceitá-las, depois de tanto tempo a achar que tudo o que vem de fora era melhor... Quem me conhece sabe que sou muitachata com este tema da Portugalidade, e até aqui já tinha andado a botar discurso.

Por isso adoro ver cada vez mais marcas a irem buscar símbolos de orgulho e a reinventá-los, para não parecer aquele souvenir barato feito na China com galinhos de Barcelos de olhos vesgos ou artesanato com aquela cortiça especial que não nasce nas árvores, sabem... aquela que nasce nas fábricas, lá no Bangladesh.

Portugal sabe fazer bem, temos coisas óptimas a deixar a e mostrar ao mundo e estamos num momento em que esse mundo nos descobriu e anda... embevecido.

E nós, do chão cá desta terra, temos de ser os primeiros defensores da marca PORTUGAL, porque é como dizem por aí, se não gostarmos de nós, quem gostará?

Parabéns masé à Blowmy, marca portuguesa do norte, que trouxe ao mercado esta linha tão portuguesa, tão nossa. Digam lá que não é uma fofurice!


(c) Vida 1.0

Comentários

  1. Respostas
    1. eu adorei, Magda! Tal foi a força que teve de vir parar ao blog.
      #defenderoqueenosso :)

      Eliminar

Enviar um comentário